Pé Plano Adulto

Pé Plano Adquirido do Adulto (pé chato do adulto)

É uma situação muito comum, que atinge principalmente mulheres entre 50 e 70 anos de idade.
A disfunção do tendão do músculo tibial posterior é uma das causas mais comuns do pé plano adquirido do adulto. A alteração é progressiva e provoca dor e desconforto na região interna do pé (mediopé) em decorrência da inflamação e insuficiência desse tendão, que com o passar do tempo e tratamento inadequado pode inclusive levar à ruptura do tendão.

Pé plano adulto

Causas

As causas da disfunção do tendão tibial posterior são multifatoriais, podendo estar associadas a traumas, doenças inflamatórias e alterações vasculares ou hormonais.

Quadro clínico

• Diminuição do arco plantar medial do pé (arco interno), com achatamento e alargamento deste.
• Dor
• Inchaço (edema) que pode se estender até o tornozelo
• Fraqueza para subir escadas e dificuldade de ficar na ponta dos pés.

Muitas vezes o paciente refere que a dor piora com o uso de calçados rasteiros, sem salto, ou ao andar com os pés descalços, e alivia com o uso de saltos de 2 a 3 cm.

Diagnóstico

O diagnóstico é clínico, porém exames complementares de imagem devem ser solicitados, como a radiografia do pé e ultrassom do tendão. Em casos selecionados a ressonância magnética pode ser solicitada.

Pé plano adulto

Tratamento

O tratamento é cirúrgico e deve ser realizado precocemente, pois dará melhores resultados. O uso de palmilha só atrasa o tratamento definitivo.

As técnicas cirúrgicas variam conforme o estado de deformação do pé ou de desgaste do tendão.

Orientações Gerais

É muito importante e recomendado que os pacientes com esta disfunção procurem tratamento com ortopedista especializado em pé, o mais rápido possível, nas fases iniciais da doença.