Hálux Valgo (Joanete)

O que é Hálux Valgo (Joanete)?

Hálux Valgo, é o nome técnico dado a deformidade popularmente conhecida como joanete. Trata-se uma protuberância óssea, muitas vezes dolorosa e caracterizada pelo desvio do dedão (Hálux) em direção ao segundo dedo. Com a evolução do quadro clínico, o dedo maior pode empurrar, sobrepor-se ou colocar-se debaixo dos outros dedos, consequentemente, a distribuição do peso nos pés fica comprometida, podendo prejudicar várias articulações do corpo.
A Joanete “Halux Valgo” também pode estar associado ao pé plano (chato).
Embora surjam quase sempre por causa de alterações no hálux, joanetes podem ser provocados pelo desvio do quinto osso metatársico localizado na base do dedo mínimo do pé. Nesse caso, ele se chama joanete de Sastre ou do alfaiate, uma vez que acomete mais esses profissionais.

Causas e fatores de risco

A joanete é a deformidade óssea mais prevalente nos pés dos adultos, que afeta mais as mulheres do que os homens, pois existem causas genéticas e mecânicas que predispõem o aparecimento da alteração. Geralmente é decorrente da associação de vários fatores de risco, tais como:
Hereditariedade: cerca de 60% dos pacientes com joanetes têm história familiar positiva para a doença;
Doenças reumáticas: artrite reumatoide (AR), gota, lúpus eritemotso sisteêmico (LES);
Doenças neurológicas: Acidente Vascular Cerebral (AVC), Paralisia Cerebral (PC) etc.

Outras Alterações: Anatomia óssea anormal dos pés, alterações de ligamentos e tendões, pé chato, dedão do pé maior do que o segundo dedo;
As mulheres são as mais acometidas e mais susceptíveis a joanete pois, estão frequentemente expostas aos fatores de risco mecânicos como sapatos de salto alto, bico fino ou muito apertados. O salto alto projeta o pé para frente, o que prejudica a distribuição do peso corporal. O bico fino favorece a compressão dos dedos, principalmente do dedão (hálux) e do dedinho (5° dedo). A parte da frente do calçado muito justa, é outro fator de risco para o aparecimento das joanetes.

Sintomas

  • Proeminência óssea base do dedão;
  • Dor, vermelhidão (rubor) e calor na articulação por causa do processo inflamatório na articulação (também pelo atrito da proeminência com o sapato);
  • Formação de calosidades nos dedos comprometidos e na planta dos pés;
  • Espessamento da pele na base do dedão;
  • Rigidez progressiva do dedo deslocado.

Em alguns casos, a joanete é assintomática.

Diagnóstico

O diagnóstico é clínico.
Exames complementares são úteis para orientar, graduar e ajudar na escolha do tratamento conservador ou cirúrgico.

Tratamento

Pode ser conservador ou cirúrgico:

O tratamento conservador, tem como objetivo aliviar os sintomas e impedir a progressão do desvio. Pode ser necessário o uso de medicamentos analgésicos e anti-inflamatórios, não visa à correção da deformidade.
O tratamento cirúrgico é realizado quando o tratamento conservador falha. São utilizadas técnicas cirúrgicas que permitem corrigir a deformidade, restaurar a função e promover analgesia.

Por essa deformidade ser frequente é necessário tratamento adequado, para que o paciente tenha melhoria em sua qualidade de vida.
Sendo assim, em caso de dor, alteração no formato e aparência do pé procure um ortopedista especialista em pé.

Joanete
Joanete